Google+ Badge

sexta-feira, 21 de agosto de 2009

PARÁ - POUCOS SÃO PROFETAS NA SUA TERRA, ELA SIM É

Feliz fim de semana. até segunda feira.

Deixo um presente musical. O Ave Maria escrito por Johann Sebastian Bach e hoje interpretado pela cantora lírica paraense pouco conhecida no seu estado e muito aplaudida no planeta.

Ave Maria (Johann Sebastian Bach)

Ave Maria
Gratia plena
Dominus tecum
Benedicta tu in mulieribus
Et benedictus fructus ventres
Tui Jesus

Sancta Maria, Sancta Maria

Maria
Ora pro nobis
Nobis peccatoribus
Nunc et in hora, in hora
Mortis nostrae
Amen, Amen


PARÁ - Fiscais da Fazenda pegos in flagrante cobrando propinas



Dois agentes tributários da Secretaria de Estado da Fazenda (Sefa) foram presos por agentes da Polícia Federal (PF) na tarde da última quarta-feira, no posto fiscal da Coordenadoria Especial de Controle de Mercadorias em Trânsito de Carajás (Cecomt), no Km 9 da Transamazônica.

De acordo com o chefe da delegacia da PF, delegado Antônio Carlos Beaubrun, três caminhoneiros se dirigiram à delegacia alegando que seus caminhões estavam parados no posto da Sefa, com a documentação em dia. Mas os fiscais Sérgio Augusto Rodrigues e Reginaldo Melo Carvalho estavam exigindo propina para a liberação dos caminhões.

A um dos caminhoneiros foi pedido a quantia de R$ 900,00. Ele disse que iria retornar ao posto para pagar apenas R$ 200,00 para os fiscais, com isso os agentes tiraram cópias dascédulas e acompanharam o denunciante até o posto fiscal.Chegando lá, no momento em que o motorista entregou o dinheiro os agentes da PF, que estavam escondidos, deram o flagrante nos agentes.

“Na hora do flagrante os agentes federais encontraram as notas numa gaveta, mas nenhum dos fiscais soube explicar a procedência do dinheiro e quem havia recebido a quantia”, informou o delegado Beaubrun.

Ele ainda falou que além dos valores que foram copiados foram encontrados outros valores em mais duas gavetas no posto fiscal. Mas, de acordo com o delegado, esse dinheiro não tinha dono. “Incrivelmente, os fiscais alegaram desconhecer o proprietário das notas encontradas”, afirmou o delegado.No momento da ação da polícia estavam na dependência do posto três fiscais, mas a terceira pessoa só foi ouvida em termo de depoimento da delegacia e depois liberada.

Os dois fiscais foram encaminhados para o Centro de Recuperação Agrícola Mariano Antunes depois de serem ouvidos e lavrados o flagrante da PF, já que o crime é inafiançável.A respeito da prisão dos agentes tributários a Sefa informa que o assunto será apurado, no âmbito administrativo, pela Corregedoria Fazendária.


Diário do Pará

quinta-feira, 20 de agosto de 2009

MINERAÇÃO - Estudo revela que a política tributária mantém o País como exportador de commodities


A Secretaria de Geologia, Mineração e Transformação Mineral (SGM) do Ministério de Minas e Energia (MME) publicou nesta quarta-feira (19) o segundo informativo sobre “Perspectiva Mineral”. Essa edição apresenta o peso efetivo dos tributos assumidos pelas empresas das cadeias produtivas do ferro e do alumínio, já que o setor mineral também está submetido ao regime tributário brasileiro.

O Estudo revela que a carga tributária não incentiva a agregação de valor e, ainda, mantém o Brasil como exportador de commodities, principalmente.

Com esse estudo, a SGM, tem como objetivo entender se essa carga tem provocado ineficiência econômica ou realocação de investimentos produtivos levando em consideração, sempre que possível, as distintas fases da cadeia produtiva, as regiões do território nacional e o destino da produção, em períodos selecionados. A intenção é identificar o peso efetivo dos tributos assumidos pelas empresas nas principais cadeias produtivas.

Nessa publicação, pode se observar que empresas que estão na base da cadeia produtiva e destinam a maior parte de sua produção ao mercado exportador apresentam uma carga tributária substancialmente inferior às empresas situadas nos elos mais densos da cadeia produtiva e que destinam a sua produção majoritariamente ao mercado interno.

Procedimentos adotados

A investigação utiliza diferentes metodologias para descobrir o peso de tributos nos distintos bens ou atividades produtivas. A mais simples é listar todos os tributos incidentes e aplicar suas respectivas alíquotas nominais nas estruturas de receitas e custos de um caso hipotético. Outra forma de abordar o problema, principalmente nos casos de investimentos de longo prazo, é de simular um fluxo de caixa descontado de um projeto hipotético ao longo de vários anos.

Embora ainda limitada, a análise feita a partir de balanços anuais publicados pelas empresas de Demonstrativos de Resultado de Exercício (DREs) ainda é o melhor instrumento de avaliação, pois tem a vantagem de estarem submetidos à apreciação de auditorias independentes e serem disponibilizados à Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

Grupo de Trabalho e autores do estudo

Grupo de Trabalho (GT): formado por especialistas da SGM, DNPM, CPRM e Assessoria Econômica deste Ministério, conforme Portaria nº 220, publicada no Diário Oficial da União – Nº 149, Seção 2, p. 26, em 05 de agosto de 2008.

Autores do estudo: Maria Amélia Enríquez: Assessora Econômica da SGM / MME

João Paulo Resende: Assessor Econômico do MME

Essas informações fazem parte de uma pesquisa realizada pelo grupo de estudo (GT) formado por especialistas da SGM e Assessoria Economica do Ministério de Minas e Energia e também do Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM) e do Serviço Geológico do Brasil (CPRM).

Publicações

A intenção da SGM é de divulgar informativos sobre a “Perspectiva Mineral” mensalmente, abordando assuntos relevantes para o setor. O tema do peso dos tributos sobre a atividade mineral no Brasil é assunto de grande relevo nos fóruns de discussão do setor, por isso foi escolhido para a 2ª edição, que pode ser acessado no arquivo abaixo ou entrar na página da SGM em publicações.

Para os interessados em acessar o informativo do mês de julho, que tem como tema o plano duo-decenal (2010/30) é só acessar o link:

Aqui

ESPORTE - IMPERADOR CONVOCADO CONTRA ARGENTINA E CHILE



O atacante Adriano é a principal novidade do técnico Dunga para os dois próximos jogos do Brasil nas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2010, contra a Argentina, em Rosário, no próximo dia 5, e Chile, em Salvador, no dia 9.

Um dos artilheiros do Campeonato Brasileiro, com dez gols, ao lado de Val Baiano e Marcelinho Paraíba, o Imperador não era chamado para servir a seleção desde o jogo contra o Peru, no dia 1 de abril pelas Eliminatórias da Copa.

O técnico Dunga garantiu que a fama de carrasco dos argentinos não pesou no retorno de Adriano para a seleção e disse que não o convocaria novamente se o atacante, que marcou em duas finais contra os hermanos, não tivesse recuperado o seu bom futebol.

"A convocação vem porque ele vem em crescimento no Flamengo, encontrando sua forma para jogar. Não pesa muito ele ter um bom histórico contra a Argentina. Não adiantaria nada se ele não tivesse bem", argumentou o capitão do tetra.

Leia mais no Correio Braziliense e na GazetaEsportiva.Net e confira a relação de convocados pelo Dunga

Aqui

ESPORTE - A crise do futebol gaucho

O Corinthians marcou dois e lava a alma.

Site do Inter diz que erros de arbitragem para o Corinthians estão virando rotina.
No Ataque: se não arrumar laterais, o Inter vai perder mais. Venedu jogadores e enfraqueceu o time.

PARÁ - Perigo no Estado. Radiação ultravioleta máxima

O LIBERAL,
Belém, Pará 20/08/2009

O índice de radiação ultravioleta atingiu o máximo em todas as regiões do Estado, segundo o Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTC), do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe). A radiação máxima chegou ao nível 13, de risco extremo, enquanto em cidades do Nordeste brasileiro, como João Pessoa (PB), Natal (RN), Recife (PE), São Luís (MA) e Fortaleza (CE) está em nove.
Os raios UV chegam diretamente ao território paraense pela ausência de nuvens e as altas temperaturas. O calor muito forte exige cuidados redobrados por quem está nas ruas, principalmente ao meio-dia. O coordenador do Instituto de Meteorologia no Pará, José Raimundo Abreu, avisa que toda radiação proveniente do Sol chega em ondas longas e a Terra emite em ondas curtas.

O Índice Ultravioleta (IUV) é uma medida da intensidade da radiação UV, que tem efeitos relevantes sobre a pele humana. O índice representa o valor máximo diário da radiação ultravioleta. Isto é, no período referente ao meio-dia solar, o horário de máxima intensidade de radiação solar. Como a cobertura de nuvens é algo muito dinâmico e variável, o índice UV é sempre apresentado para uma condição de céu claro. Isto é, para ausência de nuvens que, na maioria dos casos, representa a máxima intensidade de radiação. O IUV é apresentado como um número inteiro e, de acordo com recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS), são agrupados em categorias de intensidades, que variam de um a 14.

Na classificação da OMS, de um a dois é considerado baixo; de três a cinco, moderado; de seis a sete, alto; de oito a dez, muito alto e de onze a 14, extremo. Belém e Boa Vista foram as capitais com os mais altos índices UV na tarde de ontem, de acordo com o CPTC. Ambas chegaram a níveis acima de 12, assim como também Abaetetuba, Ananindeua, Marabá e Santarém, entre as cidades com mais de 100 mil habitantes

Veja a Matéria na Redação Online de O Liberal Aqui

POLÍTICA - Como ex-petista Marina Silva fará palestra em Belém


A senadora acreana Marina Silva estará em Belém nesta quinta-feira (20). Ela participa, como palestrante, da 7ª edição do projeto 'Jornalismo Ambiental: Os Desafios da Cobertura na Amazônia', que acontece a partir das 18h30, no Teatro Maria Sylvia Nunes, na Estação das Docas.

Marina foi a primeira ministra do Meio Ambiente do governo Lula, tendo sido substituída por Carlos Minc, em 2008. Sua trajetória política foi pautada e conhecida pelas atuações em defesa da Amazônia. O reconhecimento de seu trabalho já foi feito por vários organismos internacionais, que lhe concederam prêmios e homenagens. Entre eles, o jornal britânico The Guardian, que incluiu o nome de Marina Silva entre as 50 pessoas capazes de salvar o planeta.

Entre as diretrizes de seu trabalho, ao longo dos cinco anos no governo Lula, destacam-se o fortalecimento do sistema nacional de meio ambiente e a promoção do desenvolvimento sustentável. Hoje, Marina Silva é membro titular das comissões de Meio Ambiente, e de Constituição e Justiça, além de presidir a Subcomissão Temporária - Fórum das Águas das Américas e Fórum Mundial das Águas.

Para Anísio Bestene, diretor regional do SESC-Pará, a participação da senadora no projeto Jornalismo Ambiental é de grande valia. 'O evento é um espaço que o Sesc-Pará, juntamente com os demais parceiros do projeto oferece, gratuitamente, para estudantes e demais profissionais de Belém, visando ampliar as discussões e informações sobre tema ambiental, principalmente entre os profissionais de comunicação'.

Serviço - A 7ª versão do projeto 'Jornalismo Ambiental: Desafios da Cobertura na Amazônia' é coordenada pelo SESC-Pará, Imazon (Instituto do Homem e do Meio Ambiente) e agência EKO.

O evento inicia às 18h30, no teatro Maria Sylvia Nunes, na Estação das Docas. A entrada é franca.

Veja a Matéria na Redação Online de O Liberal Aqui

CHILE - Pesquisa eleitoral da empate técnico a ENRIQUEZ com candidato da direita, em segundo turno (espanhol)



El diputado ex Partido Socialista (PS) (agora independente) obtiene un 40,3%, mientras que el abanderado de la Coalición por el Cambio (da direita)un 43,6%.

Un nuevo escenario presidencial fue el que presentó la última encuesta desarrollada por Ipsos. En el sondeo efectuado entre el 24 de julio y el 6 de agosto, el candidato independiente, Marco Enríquez-Ominami, obtiene un empate técnico en un escenario de segunda vuelta enfrentado a Sebastián Piñera.

El diputado ex PS alcanza el 40,3% de las preferencias, mientras que el abanderado de la Coalición por el Cambio un 43,6%.

Sin embargo, en la primera vuelta Enríquez sigue ubicado en tercer lugar detrás de Eduardo Frei (concertação) y Sebastián Piñera, pero la ventaja que le lleva el abanderado de la Concertación cada vez es más corta.

En ese escenario, el empresario RN logra un 35,6%, seguido por el ex Presidente (22,9%) y el diputado independiente (20,6%).

Más atrás aparece el abanderado del Juntos Podemos, Jorge Arrate, con un 1,5% de las preferencias, seguido por Adolfo Zaldívar (1%) y Alejandro Navarro (0,5%).

En caso que la segunda vuelta sea entre Piñera y Frei, el ex senador RN logra estirar un poco su ventaja, pues obtiene un 45,5% de apoyo contra un 38,1% del ex jefe de Estado.

Respecto a la evaluación del gobierno, un 61,5% manifiesta aprobar la forma en que éste se está manejando, frente a un 34,8% de rechazo.

El sondeo se le realizó de forma telefónica a 1.507 personas y tiene un margen de error de un 2,5%.

http://www.prensaescrita.com/diarios.php?codigo=CHI&pagina=http://www.tercera.cl

quarta-feira, 19 de agosto de 2009

POLÍTICA - 'Agora eu sou candidato a presidente', afirma Ciro

Agência Estado

O deputado Ciro Gomes (PSB-CE) disse ontem que tem uma “divergência de análise” com o presidente Lula sobre a divisão do bloco governista em duas candidaturas à Presidência da República em 2010. Ciro afirmou que prefere disputar com a ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff (PT), a concorrer ao governo de São Paulo, como quer Lula. Agora eu sou candidato a presidente da República”, avisou. Segundo o deputado, como os dois compartilham uma grande “convergência”, adiaram a decisão para setembro.

“O presidente Lula considera que a melhor tática para 2010 é um plebiscito. Consideramos que é ruim. Achamos que a melhor fórmula é o enfrentamento com duas candidaturas”, disse Ciro, após dar uma palestra, na condição de pré-candidato a presidente ao colegiado de reitores da Associação Nacional dos Dirigentes de Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes), reunidos na Universidade do Rio de Janeiro (Uni-Rio). “Uma parte da definição seria essa coisa do domicílio eleitoral (até setembro) que é uma imposição da lei."

As informações são do jornal 'O Estado de S. Paulo'.
Veja
Aqui

POLÍTICA - RECEITAS

Receitas para ganhar mais e para salvar Sarney.

Veja mais no Correio Braziliense

Aqui

POLÍTICA - Mercadante pode deixar liderança do PT com crise


Um comentário deste blog sugere que a liderança do PT no Senado seja assumida pelo Senador Romero Jucá.

Christiane Samarco,
BRASÍLIA

O governo e o PMDB devem ser bem-sucedidos hoje, na articulação para livrar o presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), da abertura de um processo por quebra de decoro parlamentar no Conselho de Ética da Casa, mas a operação política pode custar ao senador Aloizio Mercadante (PT-SP) o cargo de líder do PT. Pressionado pelo Palácio do Planalto, pela cúpula do PMDB e pela direção do PT a preencher as duas vagas de titular do conselho com representantes do bloco governista favoráveis a Sarney, Mercadante recusou-se a fazer o "serviço" e pôs o cargo à disposição.

"Esse tipo de coisa eu não faço. Se for para fazer, que seja com outro líder", disse Mercadante ao presidente nacional do PT, deputado Ricardo Berzoini (SP), no fim da tarde de ontem. Àquela altura, ele já havia recebido dois ofícios solicitando a indicação para o conselho do senador Roberto Cavalcanti (PRB-PB) e do líder do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR).

O preenchimento das vagas de titular é a única saída para dar tranquilidade ao PMDB e ao presidente do Senado na votação dos recursos para desarquivar as 11 representações apresentadas contra ele no Conselho de Ética.

CONTAS

A contabilidade da cúpula peemedebista indica que, dos 16 votos no conselho - incluindo aí o presidente Paulo Duque (PMDB-RJ), que só vota em caso de empate, e o corregedor da Casa, Romeu Tuma (PTB-SP) -, seis são contrários a Sarney: cinco da oposição (DEM e PSDB) e um do PDT.

Daí o esforço para evitar que o terceiro suplente - o petista Eduardo Suplicy (SP) - seja chamado a votar. Suplicy já antecipou posição favorável à abertura de um processo no conselho contra o presidente do Senado e outro contra o líder do PSDB, Arthur Virgílio (AM).

Ontem, no plenário do Senado, Suplicy sugeriu a Sarney e ao líder tucano que se dispusessem a comparecer ao conselho, antes da votação dos recursos, para responder "a toda e qualquer questão e esclarecer as dúvidas". Ele explicou que votaria a favor do recurso da oposição porque havia dúvidas que precisavam ser esclarecidas. Virgílio manifestou-se de pronto, prometendo presença na reunião e dispondo-se a responder às indagações dos colegas. Da cadeira de presidente do Senado, Sarney respondeu que era parte interessada e, por essa razão, não poderia responder naquele instante.

Leia a matéria na íntegra

Aqui

PARÁ - Pancadaria na Câmara Municipal de Belém



A Câmara Municipal de Belém (CMB) mais parecia um ringue de luta na tarde de ontem. A sessão especial que deveria tratar da possível privatização do serviço de abastecimento de água e esgoto de Belém foi encerrada pelo presidente da CMB, Walter Arbage, em função do tumulto que tomou conta da Casa.

De um lado, os que são contra a privatização. Do outro, partidários do prefeito de Belém, Duciomar Costa, que se alteraram durante o discurso do presidente da Companhia de Saneamento do Pará (Cosanpa), Eduardo Ribeiro.

Ele ocupava a tribuna, onde relatava o atual serviço prestado pela Companhia, dizendo-se contrário à privatização, quando foi interrompido por um grupo que gritava ordenando que o presidente “calasse a boca ou falasse apenas a respeito da pauta em questão”. Neste momento, funcionários da Companhia saíram em defesa de Ribeiro. Os grupos partiram para a agressão física transformando a já tumultuada sessão em um cenário de guerra.

Sem medir palavras, situação e oposição partiram para as ‘vias de fato’, em uma sessão de socos e cadeiradas. Homens caíam no chão e eram pisoteados, cadeiras eram jogadas para o alto, algumas mulheres gritavam, outras corriam para tentar se defender, mesmo com pedidos dos vereadores para que a ordem fosse mantida no local.

CONFUSÃO

Apenas três funcionários da CMB tentavam impedir a confusão, com o apoio de alguns guardas municipais. Passados os minutos de confusão, a sessão retomou as discussões quando novo tumulto teve início. Mesmo diante dos pedidos exaustivos dos vereadores para que os ânimos fossem controlados, os grupos voltaram a se agredir. A Polícia Militar e a tropa de choque foram acionadas, mas não precisaram intervir.

Às 16h30, a sessão foi encerrada pela presidência da Casa, que não informou uma nova data para outro debate. Segundo o vereador Marquinho do PT, a confusão foi mais uma manobra política da atual administração municipal para impedir que o assunto da privatização fosse discutido seriamente. “Não vamos deixar que estas pessoas passem por cima de um direito de todos nós. A água é um bem público e não deve ser tratada como interesse de um grupo”, falou o vereador.

Leia a Repportagem na íntegra
Aqui

ESPORTE - O "técnico" Renato "Gaucho" faz o que mais gosta, afundar times. Hoje vai sofrer no Morumbi

Hoje o Fluminence comandado pelo pior técnico do Brasil o azarento Renato Gaucho leva seu "desastre" para o Morumbi.

Especialista em rebaixar times para segunda e terceira divisão, retornou ao Fluminence e, até hoje, não consegue sair da zona de rebaixamento.


Veja a matéria sobre o lamento do Fluminence

Em profunda crise, abatido, na zona de rebaixamento e sem confiança, o Fluminense vem ao Morumbi para buscar pelo menos um ponto. E o técnico Renato Gaúcho quebra a cabeça para tentar recolocar o time no caminho das vitórias

“Atitude é a palavra que deve entrar na cabeça de todos, só assim vamos sair dessa situação”, disse. Ele apoiou a ameaça feita segunda-feira pelo coordenador de futebol Branco, de que jogadores poderão ser afastados do elenco se não demonstrarem aplicação.

“Não estamos aqui para passar a mão na cabeça de ninguém nem temos tempo para isso. Eles recebem bons salários, estão em um grande clube e precisam provar a importância de estar aqui.”

Renato Gaúcho usou o Avaí como exemplo a ser seguido. A equipe de Florianópolis passou da zona de descenso para a sexta colocação em pouco tempo. “Cheguei a perguntar ao grupo se o Avaí está cheio de craques. Com todo respeito à equipe deles, que vem mostrando a atitude que peço e serve como referência para o Fluminense.”

Roni fez suas as palavras de Renato. “Não podemos mais nos omitir, vamos dar a cara a tapa. Tem de ser erro zero.”

A diretoria anunciou ontem a contratação do volante Patrício Urrutia, ex-LDU, e do zagueiro Gum, da Ponte Preta.

Leia mais no Jornal da Tarde

Aqui

ESPORTES - Leonardo, técnico do Milan: Ronaldinho em baixa



A fase é complicada, a pressão é enorme, mas Leonardo, técnico do Milan, não desanima. Em entrevista exclusiva ao LANCENET!, ele diz que espera mais do apoiador Ronaldinho Gaúcho e rasga elogios a outro brasileiro da equipe: o ‘extraordinário’ zagueiro Thiago Silva.

Ronaldinho Gaúcho:

Ronaldo... A gente não precisa dizer quem é e o que faz. Tem um grande talento, foi o melhor jogador do mundo em várias situações. Mas é claro que, para isso, é necessária uma boa condição física. Requer um comportamento, um empenho contínuo, e é isso que ele deve demonstrar. Ser contínuo no treinamento e durante os jogos. E esperamos muito dele, porque é um jogador que pode nos trazer muita qualidade.

Thiago Silva:


Thiago é extraordinário, em todos os sentidos. No Brasil também não é surpresa e para ele é muito importante esse momento depois de ter ficado seis meses sem jogar, porque não tinha mais vaga para jogador extracomunitário. Sua estreia em San Siro foi de modo brilhante. Rápido, quase fez dois gols de bola parada. São situações que deixam a gente muito feliz. Acertamos na contratação de um jogador que vai se tornar referência para defesa do Brasil.

Pré-temporada:

Esse ano nós tivemos um início de preparação difícil e cansativo. Na verdade, foi uma pré-temporada complicada, com problemas de lesões e problemas de organização. Mas, devagar, conseguimos acertar o time. E no último jogo, contra a Juventus (1 a 1), tivemos uma demonstração importante do que podemos fazer nesta temporada.

Equipe:

Com o tempo o time vai dizer o que pode fazer. Temos um elenco de talentos, jogadores que ganharam tudo, campeões do mundo e que conseguiram carreiras individuais brilhantes. Acho que o que vai fazer a diferença é o orgulho, a vontade de cada vez mais se superar. É por isso que, contando com esse grupo que temos, estou otimista.

Kaká:

Temos outros jogadores que podem exercer a liderança que o Kaká tinha. Temos o Nesta, que está voltando depois de um ano de lesão, que é um grande líder desse time. O Gattuso, que é o espírito e alma desse time. O Pirlo é um dos melhores do mundo. Talvez, na zona de ação do Kaká, essa pessoa é o Ronaldinho. Com certeza. Se ele tiver esse espírito, essa vontade de se transformar no pivô das nossas jogadas de ataque, ele tem capacidade para isso. Deve colocar em prática tudo que ele sabe.

Leia mais

Aqui

ESPORTE - Pesquisa revela que muito futebol distrae e reduze a produtividade (em espanhol)




Una encuesta realizada entre 900 gerentes de empresa hace pensar que los trabajadores podrían llegar a tener problemas si apoyaran de forma manifiesta a su equipo de fútbol en su entorno laboral, y sobre todo, si éste difiriera del de su jefe.

Llevar la camiseta de un equipo de fútbol en el lugar de trabajo o abarrotar la oficina con fotos de un club favorito puede llegar a "dañar" las perspectivas laborales de un empleado por ocasionar "distracción" y "reducir la productividad", según los datos divulgados hoy por la agencia de empleo TheLadders.co.uk.

Una encuesta realizada entre 900 gerentes de empresa hace pensar que los trabajadores podrían llegar a tener problemas si apoyaran de forma manifiesta a su equipo de fútbol en su entorno laboral, y sobre todo, si éste difiriera del de su jefe.



La mencionada agencia, que opera por internet, advierte de que mostrar de forma pública un interés particular por un equipo de fútbol podría ocasionar una "tarjeta roja" para el empleado.

Por contra, apoyar el mismo club que un superior se podría traducir eventualmente en una promoción laboral.

El gerente de la mencionada firma, Derek Pilcher, indica que demostrar "un interés saludable por el fútbol puede contribuir a crear buen ambiente con sus colegas de trabajo y los superiores. Es una buena forma de fomentar las relaciones personales".

"Si el jefe apoya el mismo equipo, está bien que se origine un poquito de discusión aunque es bueno andarse con cuidado y no llevarlo a los extremos", señala Pilcher.

Según este responsable, "demasiadas charlas sobre fútbol pueden ocasionar distracciones y reducir la productividad".

Este gerente observa además que "más de cinco minutos de conversación sobre un partido de fútbol podría llevar a tus superiores a pensar que no eres serio con tu trabajo".

Leia a reportagem na Agência EFE

Aqui

terça-feira, 18 de agosto de 2009

EDUCAÇÃO - Dirigentes da UFPA reúnem-se com parlamentares paraenses

Dirigentes da Universidade Federal do Pará reuniram-se, no dia 17 de agosto, com representantes da bancada federal de deputados e senadores paraenses. O objetivo da reunião foi ampliar o diálogo e discutir a possibilidade de investimentos, por parte do governo, em projetos de apelo social desenvolvidos pela Instituição. Além do reitor Carlos Edílson Maneschy e demais gestores da UFPA, participaram da reunião os deputados Paulo Rocha (PT), Zenaldo Coutinho (PSDB) e Nilson Pinto (PSDB), além dos senadores Fernando Flexa Ribeiro (PSDB) e José Nery (PSOL).

De acordo com os planos para a administração de 2009-2012, os pró-reitores apresentaram alguns desafios enfrentados pela UFPA para a implementação de melhorias, na expectativa de poder contar com investimentos por meio de emendas orçamentárias ou ações individuais dos membros da bancada.

O pró-reitor de Extensão, Fernando Arthur, apresentou, por exemplo, os projetos da Incubadora de Empresas da UFPA e a criação do Campus Flutuante. Em seguida, o pró-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação, Emmanuel Tourinho, falou sobre os desafios de investimentos em infraestrutura laboratorial e aquisição de equipamentos que possam possibilitar a manutenção ou a abertura de novos programas de pós-graduação (mestrado e/ou doutorado) em áreas como Física, Oncologia, Ciência e Tecnologia de Alimentos, Saúde Animal na Amazônia e Biologia Ambiental.

Também estiveram presentes na reunião os dirigentes dos Hospitais Universitários João de Barros Barreto, Eduardo Leitão, e Bettina Ferro de Souza, Murilo Morhy, que falaram sobre as dificuldades enfrentadas pelas unidades no que se refere ao espaço físico e à infraestrutura. Ambos os hospitais necessitam de investimentos para viabilizar, no caso do Barros Barreto, os projetos de criação do setor de oncologia, da UTI pediátrica e da unidade intermediária para pacientes portadores de HIV, e, no caso do Hospital Bettina Ferro, a reforma e a ampliação da estrutura.

Os deputados conheceram, ainda, o Projeto UFPA 2.0, desenvolvido e apresentado pelo pró-reitor de Relações Internacionais, Flávio Nassar. O projeto prevê a utilização extensiva da comunicação por meios digitais para promover inclusão digital e tecnologia para ensino a distância, integrando a Universidade com os campi do interior.

Para o reitor Carlos Maneschy, essa foi uma primeira reunião de muitas que poderão vir no sentido de levar a UFPA a estreitar relações e formalizar parcerias com os deputados e senadores paraenses. “Estamos aqui para apresentar os nossos desafios e perspectivas, além de ouvir e dialogar, sempre, na meta de fazer da Universidade uma agente poderosa de transformação social”, assegurou.

Leia reportagem na íntegra

Aqui

Esporte - Novo Blog do José Cruz os bastidores da política e economia do esporte

Recomendo o novo blog do jornalista José Cruz que hoje está no UOL.

José Cruz cobre há mais de 20 anos os bastidores da política e economia do esporte, acompanhando a execução orçamentária do governo, a produção de leis e o uso de verbas estatais na área esportiva. Esteve nas Olimpíadas de Seul-1988 e Sydney-2000 e trabalhou no Correio Braziliense, onde foi subeditor de Esporte, e no Jornal de Brasília.

Acesse o Blog do Jos Cruz
Aqui

Lula diz que, antes de apoiar Sarney, seu apoio é para o Senado

da Agência Brasil
da Folha Online


O presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou nesta terça-feira que, antes de apoiar o homem José Sarney (PMDB-AP), presidente do Senado, seu apoio é para a instituição.

"É menos do que apoiar o homem, é apoiar a instituição. Defendo que haja um processo justo de investigação, uma apuração correta e que se faça um julgamento correto", disse Lula em entrevista à rádio Tupi, do Rio de Janeiro.

Reforma elaborada pela FGV amplia poder político dos senadores em gabinetes
FGV propõe corte de R$ 376,4 mi e redução de 43% nos cargos de chefia do Senado
Blog do Josias: Oposição hesita em levar caso Sarney até plenário do Senado

Lula disse ainda que o que ele não quer é "esse oba-oba de denuncismo". "Isso não dá certo em lugar nenhum do mundo."

Amanhã, o Conselho de Ética do Senado vai analisar os 11 recursos da oposição contra o arquivamento sumário de denúncias e representações que acusam do presidente da Casa de uma série de irregularidades.

Os integrante do conselho vão decidir, no voto, se os processos contra Sarney devem tramitar no colegiado.

Com apenas cinco das 15 vagas de titulares no Conselho de Ética, DEM e PSDB precisam do apoio dos três petistas para dar andamento às ações contra o peemedebista. Nos bastidores, senadores do DEM também foram procurados por aliados de Sarney para votarem contra a abertura dos processos.

As representações arquivadas tratam do suposto envolvimento do senador com a edição de atos secretos no Senado, da suspeita de que teria interferido a favor de um neto que intermediava operações de crédito consignado para servidores da Casa e de ter supostamente usado o cargo em favor da fundação que leva seu nome e mentido sobre a responsabilidade administrativa pela fundação.

Leia mais na Folha Online

Aqui

SENADO - LINA VIEIRA NÃO SE LEMBRA....de nada

Me desculpem, mas essa ex-secretária é muito burra.

Não se lembra da data da audiência com a Ministra Dilma, não se lembra da hora, não se lembra como como foi vestida. Eu me lembraria de mais detalhes, ainda se fosse convocado por uma autoridade para uma reunião.

Até a minha família (esposa, filhas) sempre são informadas de reuniões importantes nas quais participo.

Não sou secretário de nada, mas tenho uma agenda em papel e no meu computador, aí registro todos meus compromissos, pessoais e públicos e guardo na minha memória datas de reuniões. Se por acaso esqueço uma data que não registrei, pego meu calendário e exercito minha memória. Pronto.

PARÁ - Gripe A: Sepultamento de 1° vítima acontece hoje

Familiares e amigos se despedem da enfermeira Sandra Helena Prado Reis na manhã desta terça-feira (18). Ela foi a primeira vítima da gripe A no estado do Pará. O sepultamento acontece em um cemitério em Ananindeua, às 10h. O velório foi realizado ontem.

Sandra, de 42 anos, era portadora de pneumopatia crônica e asma. De acordo com informações de amigos da família, Sandra Helena Prado Reis morava em Ananindeua e tinha dois filhos. Ela trabalhava como enfermeira na Unama (Universidade da Amazônia).

Segundo a Sespa (Secretaria de Estado de Saúde Pública), ela apresentou, no último dia 5, um quadro de febre, tosse, dispnéia, calafrio, dor de garganta, artralgia e mialgia. A paciente faleceu às 12h30 de ontem.

Ela foi atendida no ambulatório do Hospital Guadalupe, em Belém e, no dia 7 de agosto, encaminhada para internação. No dia 9, o quadro respiratório piorou, sendo transferida para unidade de cuidados intensivos. Notificado como suspeita da gripe H1N1, o caso foi comunicado à Vigilância Epidemiológica da Sespa no dia 11 de agosto, sete dias após os primeiros sintomas.

Em função do tempo decorrido entre o início dos sintomas e a data da notificação do caso, não havia mais indicação para uso do Oseltamivir, que segundo o Protocolo do Ministério da Saúde deve ser utilizado no máximo, até 48 horas a partir da data de início dos sintomas.

A Sespa providenciou a coleta de material de nasofaringe. Naquele momento, a paciente já se encontrava em suporte respiratório e entubada. O resultado do exame diferencial para Influenza foi positivo para H1N1.

'Evandro Chagas' - A diretora do Instituto Evandro Chagas, Elisabeth Santos, afirmou que o órgão não recebeu nenhum material para análise da enfermeira Sandra Helena Prado Reis. Segundo a pesquisadora somente após a morte da enfermeira é que a Vigilância Epidemiológica da Sespa (Secretaria de Estado de Saúde Pública) enviou tecido pulmonar para ser analisado pelo IEC.

A diretora disse ainda que o resultado do exame da enfermeira deve ser divulgado nesta quarta-feira (19). Caso o exame confirme que Sandra Helena morreu infectada pelo H1N1 cabe ao Estado informar o porquê da paciente não ter sido tratada, em tempo hábil, ainda que pertencesse ao grupo de risco.

O coordenador interino da Vigilância Epidemiológica estadual, Amiraldo Pinheiro, disse que não poderia dar mais informações sobre a morte da enfermeira porque desconhecia detalhes do caso.

Unama - Por meio de nota oficial, a Unama lamentou o falecimento de Sandra Reis e informou que ela estava afastada desde a volta às aulas. Leia a nota na íntegra:

'A Universidade da Amazônia lamenta o falecimento da funcionária Sandra Helena Prado Reis, 42 anos, decorrente do vírus H1N1 e informa que ela não contraiu o vírus na instituição. A funcionária era auxiliar de enfermagem do Campus Senador Lemos, havia trabalhado no Campus BR até junho, e estava afastada do trabalho desde sua volta das férias, no dia 03 de agosto.

Segundo o médico responsável pelo Campus Senador Lemos, Dr. José Williams Carvalho, o quadro médico de Sandra era complicado. “Há dois anos ela começou a apresentar outras doenças e, com o tempo, ficou debilitada, culminando em internações constantes. Na volta das férias, estava com quadro clínico normal até apresentar os sintomas da doença. Não foram registrados outros casos do vírus na instituição”, afirmou o médico.

Na terça-feira (04), a funcionária já estava com sintomas da gripe e saiu cedo do trabalho. Na quarta-feira, 05, foi internada em uma clínica particular e, desde então, não foi mais trabalhar.

A diretoria da Unama esclarece que assim que foi confirmado o caso, acionou a Vigilância Sanitária para as devidas precauções. Um técnico da Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa) e outro da Secretaria Municipal de Saúde (Sesma) estiveram na instituição e orientaram que a Universidade continuasse com as medidas já adotadas e que não havia motivos para que as aulas fossem suspensas. A direção da Unama já passou para todas as coordenações o protocolo do Ministério da Saúde sobre o vírus e disponibilizou álcool 70% nos setores. Amanhã à tarde, técnicos da saúde voltarão à instituição para orientar os funcionários do Campus BR e Senador Lemos.

A Universidade também informa que todos os seus alunos, professores e funcionários estão recebendo orientações sobre sintomas e métodos de prevenção contra o vírus H1N1 desde a primeira semana de aula, logo após o final das férias de julho.

Casos - Até ontem, foram notificados 215 casos de gripe A. Oitenta e seis foram confirmados, 38 aguardam resultado de laboratório, 79 foram descartados e 12 casos deram positivo para gripe comum.

Este Blog lamenta profundamente o falecimento do da enfermeira Sandra Helena Prado Reis, irmão da nossa amiga e colega de longa data Ana Prado.

O Liberal

segunda-feira, 17 de agosto de 2009

Tecnologia - Quem usa o Google faz mais pesquisas por mês


Os utilizadores do Google fazem mais pesquisas na Internet por mês do que aqueles que usam o Yahoo! e Microsoft, segundo demonstra um estudo divulgado recentemente pela Reuters.
O Yahoo! e a Microsoft ficam muito atrás do Google em termos de participação de mercado: os utilizadores do Google fazem em média 54,5 buscas por mês - cerca de duas vezes o número de pesquisas feitas por aqueles que usam o Yahoo! e a Microsoft juntos. Segundo a análise da «comSore», estes utilizadores fazem em média 26,9 buscas por mês.
Os dados demonstram ainda que os utilizadores do Google são mais leais, fazendo quase 70% de todas suas pesquisas nos sites do Google. Já as pessoas que usam os site do Yahoo! e da Microsoft, juntas, utilizam os motores de pesquisa cerca de 33% das vezes, mas recorrem também ao Google.
Apesar de o Yahoo! e a Microsoft ainda estarem atrás da concorrência, as duas empresas, que estão a trabalhar juntas nesta área, têm uma «oportunidade real de progredir uma vez que quase três quartos de todos os cibernautas fazem pelo menos uma busca nesses sites todos os meses», revela Eli Goodman da «comScore».
Se as empresas conseguirem atingir o mesmo nível de buscas realizadas pelos utilizadores do Google, o Yahoo! e a Microsoft, que recentemente lançaram o site de buscas Bing, deteriam mais de 40% de participação do mercado, sublinha Goodman em comunicado noticiado pela Reuters.

POLÍTICA - MUDANÇAS NA BAHIA PMDB ABANDONA O GOVERNO

Maurício Savarese
Do UOL Notícias
Em São Paulo


O governador da Bahia, Jaques Wagner (PT), indicou nesta segunda-feira dois dos três novos secretários após o rompimento com o PMDB estadual, ligado ao ministro da Integração Regional, Geddel Vieira Lima.

O deputado federal João Leão (PP) assume a pasta da Infraestrutura, e o engenheiro James Correia, empresário e fundador do PT no Estado, fica na Secretaria da Indústria, Comércio e Mineração.

"O terceiro nome [da Secretaria de Ciência e Tecnologia] deve ser definido ainda nesta semana", disse Jaques em declarações divulgadas no site oficial do governo baiano. "O PMDB se afasta do governo. Não é o que eu queria, mas é o processo natural da política."

A posse dos novos secretários, inclusive o de Ciência e Tecnologia, está marcada para a próxima quinta-feira.

A relação entre o governo de Jaques e o PMDB já estava desgastada, tendo fim no início deste mês, depois de Geddel classificar a gestão do petista de "medíocre".

Os dois devem ser adversários na disputa estadual do ano que vem, depois de se aliarem na última votação para derrotar os adversários ligados ao falecido ex-governador Antônio Carlos Magalhães. Ambos prometem usar a imagem do presidente Luiz Inácio Lula da Silva para tentarem a vitória.

"O que é importante é que o programa de governo, a nossa parceria com o presidente Lula, o nosso projeto político para a Bahia e para o Brasil continua fortalecido", afirmou Jaques. "2010 ainda está longe, na hora da eleição o povo escolhe quem quer."

Jaques e Geddel se desentendiam desde a eleição municipal do ano passado, quando o governador, mesmo não votando em Salvador, apoiou Walter Pinheiro (PT), enquanto o ministro ficou ao lado do prefeito João Henrique (PMDB), que acabou vitorioso.

A divisão vai resultar em dois palanques na Bahia para a ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, pré-candidata do PT à Presidência da República.

Leia mais no UOL Notícias

Aqui

VIOLÊNCIA SEXUAL EM SÃO PAULO - Médico Roger Abdelmassih é preso em São Paulo

MÔNICA BERGAMO
Colunista da Folha

O médico Roger Abdelmassih, um dos mais famosos especialistas em reprodução assistida do país, acaba de ser preso. Seus advogados confirmaram que estão se dirigindo para o local em que ele está detido.

Em junho, Abdelmassih foi indiciado pela Polícia Civil sob a acusação de estupro e atentado violento ao pudor contra ex-pacientes. Ao menos 60 mulheres dizem ter sofrido crimes sexuais durante consultas. Abdelmassih nega as acusações.

A Justiça recebeu a denúncia [acusação formal] oferecida pelo Ministério Público e, com isso, foi instaurado processo criminal para a análise das acusações. A prisão preventiva contra Abdelmassih foi decretada pelo juiz Bruno Paes Stranforini, da 16ª Vara Criminal.

Segundo o Tribunal de Justiça, o processo corre sob segredo de Justiça para preservar os envolvidos.

Processos éticos

O Cremesp (Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo) abriu 51 processos éticos contra o médico, mostrou reportagem da Folha publicada no último dia 11.

Na ocasião, José Luis Oliveira Lima, um dos advogados do médico, disse que Abdelmassih tinha conhecimento das sindicâncias, mas não da instauração dos processos. O advogado afirmou que o médico começou a ser notificado sobre as sindicâncias há alguns meses e, quando notificado, apresentou sua defesa, sempre reiterando que é inocente.

"Dr. Roger é um dos médicos mais respeitados do país na sua especialidade. Ele nega veementemente a prática de qualquer ato ilícito, aguarda o desenrolar das investigações e tem tranquilidade de que, no final, tudo será esclarecido", disse Lima na ocasião.

Leia a reportagem completa

Aqui

AQUECIMENTO GLOBAL - O "COLAPSO"

domingo, 16 de agosto de 2009

POLÍTICA - Há 20 anos, Collor falava

Há 20 anos, Collor chamava Sarney de "irresponsável"

(Arquivo do Estado de S. Paulo)

Em 1989, durante campanha eleitoral, o então candidato à Presidência da República, Fernando Collor de Mello, diz que "José Sarney é um cidadão de más intenções"

Assista na íntegra a fala do Ex-Presidente Collor na TV.

Aqui

POLÍTICA - ''Eu absolveria Sarney e Virgílio''


ENTREVISTA - José Eduardo Dutra: candidato à presidência do PT

Vera Rosa, BRASÍLIA

Candidato à presidência do PT pela corrente Construindo um Novo Brasil, o geólogo José Eduardo Dutra passa amanhã o bastão no comando da BR Distribuidora e vai ajudar o governo a jogar água na fervura do Senado. Na sua avaliação, a bancada do PT deve depor as armas nessa crise porque não há "provas robustas" para cassar nem o presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), nem o líder do PSDB, Arthur Virgílio (AM).

Apoiado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva, Dutra recomenda aos petistas a absolvição dos dois. "Se eu fosse senador, votaria pelo arquivamento de todas as representações que estão hoje no Congresso contra Sarney e contra Virgílio", afirma. "Não podemos continuar nesse ramerrame, porque, em última instância, o que fica mal é a imagem do Congresso. Fala-se que lá é uma fábrica de pizza, quando, na verdade, há uma banalização do processo de quebra de decoro."

Para Dutra, o conceito de decoro é "mutável" ao longo do tempo. Ele vai mais longe: alega que o Conselho de Ética deveria ser impedido de julgar seus pares porque não tem condições de investigar nada e suas decisões são políticas. "Na maioria dos países, o parlamentar é julgado pelo Judiciário", diz o ex-senador do PT (1995-2003), que confessa já ter usado sua cota de passagem aérea para trazer mulher e filho a Brasília. "Era uma cultura do Senado", conta.

Dutra é o favorito na disputa pela presidência do PT, em novembro. Se vencer, será um dos comandantes da provável campanha da ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff, ao Palácio do Planalto, em 2010. Nesta entrevista ao Estado, ele prevê um embate "muito duro" contra o PSDB e ameniza o racha na base aliada com as possíveis candidaturas da senadora Marina Silva (AC), hoje no PT e de malas prontas para o PV, e do deputado Ciro Gomes (PSB-CE). "Críticas ao governo todos nós temos", diz. "Mas candidatura de oposição, para mim, é a do PSDB."

Por que o sr. vai deixar o comando de uma estatal poderosa como a BR Distribuidora para ser candidato à presidência do PT, cargo visto como ''abacaxi'' até por petistas?

Essa foi a pergunta que minha mãe fez. Ela me ligou perguntando se eu não tinha juízo. Brincadeiras à parte, sou um homem partidário. O meu projeto é político. Sei da responsabilidade, sei que é um tremendo abacaxi (risos), mas acho que a vida da gente também precisa de desafios. Estou com muita disposição de ser presidente do PT.

Se o sr. for eleito, terá de comandar a primeira eleição presidencial disputada pelo PT sem Lula, além de dirigir um mosaico de tendências internas. A ministra Dilma não tem experiência eleitoral. Não é muito desafio?

A ministra Dilma pode ser excelente candidata e uma excelente presidente da República. Eleição se aprende disputando. O fato de pela primeira vez o nome de Lula não estar na cédula aumenta a responsabilidade do PT. As correntes do PT, que eu conheço muito bem, terão de pôr seus melhores quadros para dirigir o partido. Esse cenário tanto é importante na hipótese de vitória, porque o PT precisa ter protagonismo, quanto até mesmo - deixa eu bater na madeira (bate três vezes na mesa) - no caso de derrota, para reaglutinar a tropa.

Leia a entrevista na íntegra no Estado de S. Paulo
Aqui

PARÁ - DESMATAMENTO E FRAUDE COM MADEREIROS

A Polícia Federal cumpre mandato de busca e apreensão na Secretaria de Meio Ambiente do Pará. O objetivo é investigar suposta fraude.

Veja a reportagem do Jornal O Liberal

Aqui

MEIO AMBIENTE - Países pobres criam bloco para exigir compromisso contra CO2

Os países pobres intensificaram suas exigências para que o mundo industrializado faça mais a fim de evitar o superaquecimento da Terra,em meio a advertências de que as negociações está avançando muito devagar para atingir a meta de fechamento de um novo acordo em dezembro.

Nesta semana, delegados de 180 países digladiaram-se em torno de uma proposta de acordo com cerca de 2.500 parágrafos, frases e palavras em disputa. Eles lutaram para reduzir 200 páginas de texto confuso a um documento manuseável - mas deixaram a cidade alemã de Bonn ainda com muito trabalho pela frente.

Líderes governamentais deverão discutir os elementos essenciais do acordo durante uma reunião em Nova York, no mês que vem, seguida por um encontro das 20 maiores economias do mundo em Pittsburgh.

Com o tempo quase acabando, negociadores e lobistas expressam o temor de que o acordo não seja celebrado em dezembro, o prazo final para a adoção de um tratado que substitua o Protocolo de Kyoto de 1997.

"Se continuarmos neste ritmo, não vamos conseguir", disse o responsável pela questão climática na ONU, Yvo de Boer. "Seria incompreensível se esta oportunidade se perdesse", disse ele, acrescentando que apenas 15 dias de negociação real restam antes da reunião de dezembro em Copenhague.

"Os delegados passaram muito tempo debatendo questões de procedimento e tecnicalidades. Esta não é forma de superar a desconfiança entre países ricos e pobres", disse Kim Cerstensen, chefe da Iniciativa Global de Clima do WWF.

Os países mais pobres e vulneráveis do mundo, incluindo minúsculas nações insulares que mal se levantam acima do nível do mar, uniram-se para aumentar a pressão sobre os industrializados.

"Efeitos adversos da mudança climática já se estão fazendo sentir", disse a delegada de Granada, Dessima Williams, que liderou a coalizão de 80 nações. Ela cita a elevação do nível do mar e a perda de recursos hídricos, o declínio da biodiversidade, enchentes e secas.

"Alguns países provavelmente ficarão totalmente inabitáveis" a menos que as emissões de carbono sejam rapidamente contidas, disse ela.

O bloco dos Estados pobres disse que a mudança climática está superando as melhores estimativas de poucos anos atrás, quando cientistas advertiram que a elevação máxima das temperaturas médias mundiais que poderia ser assimilada sem efeitos catastróficos seria de 2º C acima das taxas pré-industriais.

Barreiras comerciais - Também no encontro de Bonn, a Índia pediu que o novo pacto mundial sobre a mudança climática proíba a imposição de barreiras comerciais a países que se recusem a acatar limites em suas emissões de gás carbônico.

A cláusula tem como alvo principal o esforço do Congresso dos Estados Unidos para aprovar a imposição de penalidades a países que não se comprometam com metas específicas de contenção de emissões.

O principal delegado indiano, Shyam Saran, disse que medidas assim parecem "protecionismo sob um rótulo verde", e complicam as negociações. (Fonte: Estadão Online)

SAÚDE - Cinco países respondem por quase 65% das mortes pela nova gripe

EUA, Argentina, Brasil, México e Chile concentram 1.300 das 2.004 mortes.
OMS mudou estratégia de cálculo; 55 países já registraram óbitos.

Rafael Targino
Do G1, em Brasília


Cnco países –entre eles o Brasil– respondem por 64,8% das mortes pela nova gripe em todo mundo. Estados Unidos, Argentina, Brasil, México e Chile são responsáveis, no total, por 1.300 das 2.004 mortes registradas até esta sexta-feira (14). Os dados foram divulgados na página do Centro Europeu de Prevenção e Controle de Doenças (ECDC, da sigla em inglês), que se baseia em números dos governos e da Organização Mundial da Saúde (OMS).

Os Estados Unidos lideram o ranking, com 436 mortes, seguidos por Argentina (404), Brasil (192), México (163) e Chile (105). No total, 55 países já registraram mortes. Dos 15 primeiros da lista, nove são latino-americanos –além dos quatro citados, estão Peru, Costa Rica, Paraguai, Uruguai e Equador. A única região do mundo que ainda não registrou mortes, segundo o ECDC, foi a Ásia Central.

A OMS mudou a estratégia de cálculos de mortes causadas pela nova gripe, e foi acompanhada pelo Ministério da Saúde brasileiro. A conta, diz a organização, deve ser feita por 100 mil habitantes. Dessa forma, é possível saber a taxa de mortalidade da doença por país.

Por esse critério, o Brasil tem 0,09 morte por cada 100 mil habitantes. A Argentina tem o maior índice entre todos os países (1,00, número atualizado com o total de mortes registradas no país), seguida por Uruguai (0,65) e Costa Rica (0,61).
Segundo César Carranza, professor da Universidade de Brasília e médico do Hospital Universitário, o tamanho da população destes países e a capacidade de registros dos casos ajuda a explicar os números. “No hemisfério norte, por exemplo, os casos foram basicamente na temporada anterior, de frio”, afirma.

Apesar disso, países que têm população maior que alguns dos cinco líderes do ranking registraram menos mortes. É o caso, por exemplo, da Malásia, com 27,4 milhões de habitantes e 56 mortes. Para efeito de comparação, o Chile, que tem uma população de 16,9 milhões, conta 105 mortes. Os dados demográficos são do IBGE.

Fatores

O pesquisador do Instituto de Medicina Tropical da Universidade de São Paulo (USP), Vicente Amato Neto, aponta três fatores para o número de casos nos cinco países: o clima, a detecção precoce da doença e a eficácia das medidas de combate à nova gripe. Apesar disso, ele considera o caso americano uma “contradição.” “As temperaturas voltaram a subir lá e o número de casos continua alto”, afirma.

Leia reprtagem no G1, na íntegra
Aqui