Google+ Badge

sábado, 29 de março de 2014

Tombini: Brasil está comprovadamente resistente a choques externos


SAUÍPE - A volatilidade “é do jogo e não deve ser confundida com vulnerabilidade”, observou o presidente do Banco Central (BC), Alexandre Tombini. Segundo ele, os bancos centrais devem estar atentos e os governos devem trabalhar em conjunto no sentido de adotar reformas e criar estímulos aos investimentos, principalmente, privados.

Em discurso do Fórum Econômico da América Latina, realizado pelo Institute of International Finance (IIF) na Costa do Sauípe, na Bahia, Tombini fez questão de mostrar aos participantes que o Brasil “comprovadamente” está mais resistente aos choques externos.

Além disso, ressaltou que a normalização das condições monetárias gera um realinhamento dos ativos financeiros, como por exemplo, o câmbio. “O ajuste não deve ser confundido com vulnerabilidade”, afirmou. “O Brasil é um país robusto e resistente a choque externos e tem sistema financeiro sólido”, acrescentou.

Para mostrar que a economia brasileira é sólida, Tombini destacou as elevadas reservas internacionais do país, que uma parcela pequena da dívida pública (17%) está nas mãos de não residentes e que o sistema financeiro está capitalizado.

O presidente do BC disse ainda que o Brasil tem respondido aos efeitos da crise e vai continuar respondendo de forma clássica, com austeridade na política macroeconômica e utilização de “colchão” para suavizar os preços dos ativos.

Tombini afirmou ainda que grande parte das regras de Basileia 3 estão definidas e muitos países, como é o caso do Brasil, já adotam as medidas. “A agenda regulatória do sistema financeiro global é simples, mas tem pendências a serem resolvidas.”
Por Edna Simão e Luciano Máximo | Valor


quarta-feira, 26 de março de 2014

Maria Amélia Enríquez, nova Secretária da SEICOM


A Universidade Federal do Pará deve estar de parabéns porque consegue mais uma representante da academia no governo do Estado. 

Maria Amélia Enríquez foi nomeada  Secretária de Estado de Indústria, Comércio e Mineração. 

Parabéns e sucesso!  

CURRÍCULO.
Doutora em desenvolvimento sustentável pelo CDS/UnB (2007), mestrado em Geociências pela Universidade Estadual de Campinas (1993), especialização em teoria econômica pelo CESEP/PA (1987), graduação em Economia pela Universidade Federal do Pará (1986). Atualmente é professora da Universidade da Amazônia e da Universidade Federal do Pará.
Ex- presidente da Sociedade Brasileira de Economia Ecológica (ECOECO). Atualmente é membro do board do International Society for Ecological Economics (ISEE)  Tem experiência nas áreas mineração e desenvolvimento regional, licenciamento ambiental, planejamento estratégico e áreas afins, atuando principalmente nos seguintes temas: desenvolvimento sustentável, indústria mineral e impactos regionais nos municípios de base mineradora do Brasil . No período de maio de 2008 a julho de 2011, foi assessora da Secretaria de Geologia, Mineração e Transformacão Mineral (SGM) do Ministério das Minas e Energia (MME). 

Desde junho de 2009 é membro do International Panel for Sustainable Resource Management (Resource Panel) do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (UNEP). Até ser nomeada Secretária de Estado da Secretaria de Indústria Comércio e Mineração - SEICOM, do Estado do Pará, era a Secretária Adjunta. 

FOTOS 

Nas Nações Unidas, como membro do International Panel for Sustainable Resource Management (Resource Panel) do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (UNEP).

No /senado Federal

Com Sidney Rosa, Helenilson Pontes e Cleide Amorin

Aniversário do Sidney Rosa

Com o Governador Simão Jatene

Reunião nas Nações Unidas 

Com Cristovam Buarque, no Senado Federal

 Itaituba, Pará

Com o Secretário da SEMA José A. Colares e prefeita de Itaituba

Seminário Internacional - Com Crsitovam Buarque
Com Marina Silva 






domingo, 23 de março de 2014

Sucesso de evento sobre empreendedorismo na Universitec


Liderança, foco em solução, curiosidade e autoestima são algumas das características de um empreendedor de sucesso segundo Ladmir Carvalho, Diretor Executivo da Empresa Alterdata Software que ministrou ontem, no auditório do Projeto Newton a palestra "Os novos desafios do empreendedorismo para instituições de ensino superior do Brasil".

O evento contou com a presença de autoridades como a do Pró-Reitor da Universidade Federal do Pará, Prof. Dr. Emmanuel Tourinho, do Diretor Superintendente do Sebrae, Vilson João Schuber, da Diretora do ITEC/UFPA Maria Emília Tostes, do Diretor da FIEPA, Antônio Djalma Vasconcelos e do assessor, José do Agypto Soares, da Secretária Adjunda de Industria, Comércio e Mineração do Estado, Maria Amélia Enríquez, entre outros representantes do setor produtivo, além de alunos de diversos cursos da Universidade.

Ladmir iniciou a palestra falando de sua formação e a trajetória da Empresa Alterdata Software que tem recebido diversos prêmios de reconhecimento ao longo dos anos. Com uma abordagem bastante dinâmica e utilizando vídeos relacionados ao tema, falou sobre a capacidade que o empresário deve ter de encontrar soluções no mercado, que na maioria dos casos passam despercebidas e incentivou os alunos presentes a não desperdiçarem a capacidade de sonhar “A gente não consegue nada se não acreditar tudo parte do sonho aliado ao planejamento”. Afirmou.


A estudante de Engenharia Civil Larissa Araújo, que assistia atentamente à palestra, constatou que o sucesso não é uma questão de sorte, como muitos acreditam ser. “Ao conhecermos a trajetória de Ladmir, percebemos que o sucesso depende muito da persistência, determinação e da busca em aperfeiçoar seus conhecimentos.”

Segundo o pró-reitor Emmanuel Tourinho, o profissional melhor qualificado é aquele que, ao deixar a universidade, se mantém atualizado, expandindo seus conhecimentos. Falou, ainda, da importância desse profissional ter competência altamente específica em sua área de atuação e também adquirir outras habilidades, já que o mercado atual exige isso. Por esse motivo, a UFPA busca, por meio de eventos culturais e científicos que abordem diversos assuntos, despertar isso no aluno.

Na ocasião, o diretor da Universitec, o professor Gonzalo Enríquez, fez a entrega da Proposta de parceria ao diretor superintendente do Sebrae, Vilson João Schuler. A proposta prevê intensificar as ações do Projeto de Empreendedorismo na UFPA.

Oportunidade - Schuber destacou a importância de os discentes da UFPA aproveitarem a oportunidade que a Universidade oferece, a exemplo da palestra para aperfeiçoamento da formação acadêmica, e incentivou-os a participar dos Desafios Universitários que o Sebrae realiza, como uma forma de testarem sua capacidade empreendedora. Ele apontou interesse na parceria com a Universidade, por meio da Universitec.


Texto e foto: Hellen Lobato - Ascom / Universitec






Minúcias