Google+ Badge

sábado, 21 de maio de 2011

Nove governadores se reúnem hoje em Belém


Proposto pelo governador do Pará, Simão Jatene, o Encontro de Governadores da Amazônia reunirá nove chefes de executivos estaduais hoje, das 9h às 15h, no Hangar - Centro de Convenções e Feiras da Amazônia, com o objetivo de buscar a integração da região diante de questões de interesse dos gestores. Os temas em debate serão: reforma tributária, critérios de atualização das dívidas dos Estados, questão ambiental e infraestrutura para o desenvolvimento da região.

No caso da reforma tributária, esse encontro antecede uma reunião no Ministério da Fazenda, marcada para a próxima semana, para a qual foram convocados os governadores dos estados das regiões Norte e Centro-Oeste, para debater esse tema. A intenção é que os governadores do Pará, Amazonas, Amapá, Acre, Rondônia, Roraima e Tocantins (Região Norte), além do Mato Grosso (Centro-Oeste), definam uma posição única acerca de possíveis mudanças no sistema tributário. Além desses governadores, estará presente também ao encontro a governadora do Maranhão, Roseana Sarney, completando as nove unidades federativas da Amazônia Legal.
Já com relação aos critérios de atualização das dívidas dos Estados, a preocupação dos governadores é com a viabilidade de pagamento desses compromissos, sem que isso represente um desequilíbrio nas contas públicas. Eles questionam o método de atualização das dívidas, que as torna muitas vezes “impagáveis”.

Na questão ambiental, um dos assuntos de maior relevância é a apresentação, pelo governador do Pará, do Programa Municípios Verdes, um esforço feito pelo Estado a partir de um pacto com prefeitos, Ministério Público e setor produtivo e que tem como meta o desmatamento zero.

DESENVOLVIMENTO
Em relação à infraestrutura para o desenvolvimento da região, os governadores vão debater os esforços de cada Estado no provimento dessa infraestrutura sem prejuízo ao meio ambiente, além de tratar da instalação de grandes projetos na região, como a usina de Belo Monte, seus impactos, custos e benefícios. A reunião acontecerá a portas fechadas. Somente às 15h será feita a coletiva dos governadores para a imprensa (Diário do Pará, com informações da Agência Pará).

ENCONTRO
O Encontro de Governadores da Amazônia reunirá os nove chefes de executivos estaduais, das 9h às 15h, no Hangar - Centro de Convenções e Feiras da Amazônia, com o objetivo de buscar a integração da região amazônica.

sexta-feira, 20 de maio de 2011

Foco na educação

"Nota zero para os governantes", diz professora que virou hit na internet 

“Nota zero para os governantes!”, diz a professora Amanda Gurgel, de Natal (RN), o mais novo hit da internet. Em audiência pública, ela relatou aos deputados potiguares sua situação precária de trabalho na rede pública. O vídeo com o desabafo está entre os assuntos mais comentados no Twitter e já colecionava mais de 100 mil acessos até a manhã desta quinta-feira (19). Amanda já angariou o apoio de colegas de profissão no Brasil todo. 

Veja mais Aqui

quarta-feira, 18 de maio de 2011

Trafego aéreo - pode ser sua vez


Este filme mostra-te o dia do tráfego aéreo a nível mudial durante 1 dia.

Cada ponto no filme, corresponde a um avião com, pelo menos, 200 passageiros.

Podes tentar perceber a hora do dia pelas áreas iluminadas e mais escuras que vão aparecendo sobre o Planeta.

Para entender o PT


Alegação é que ex-senadora teria feito campanha para candidato de coligação rival

Fatima Lessa, O Estado de S. Paulo

A Comissão de Ética do diretório estadual do PT em Mato Grosso recomendou a expulsão da ex-senadora Serys Marli Slhessarenko por "infidelidade partidária". Inconformada com a decisão, que ainda precisa do crivo da executiva regional, a ex-parlamentar disse estar "incrédula" e promete recorrer à direção nacional da legenda.

A Comissão de Ética da executiva estadual decidiu recomendar a expulsão de Serys, sob a alegação de que ela teria feito campanha para um candidato de coligação rival à da legenda. A ex-senadora nega.

A expulsão é mais um capítulo do racha no PT de Mato Grosso, surgido na campanha da eleição passada. Serys queria ser candidata à reeleição, mas foi preterida na disputa interna e perdeu a vaga para o então deputado Carlos Abicalil.

Ao ser derrotada nas prévias do PT, Serys acusou o colega de partido de traição e não incluiu o nome nem o número de Abicalil em seu material de propaganda - ela tentou uma vaga na Câmara.

Passada a eleição, ambos ficaram sem mandato: Serys foi a sexta mais votada do PT, que conquistou quatro cadeiras, e Abicalil ficou em terceiro na corrida ao Senado.
"Minha história não condiz com essa decisão, afinal, são 23 anos de partido e 20 de mandatos sem nenhuma advertência", afirma Serys. Embora afirme que não abrirá mão de permanecer no PT, a ex-senadora reconhece que está difícil reverter a situação. "Vou lutar com todas as possibilidades para permanecer no PT."

Quem nunca pecou....

Nunca tinha me metido antes nessa questão, mas quem me perguntava durante a campanha presidencial eu sempre dizia: Marina Silva não é santa.


Hoje leio na folha o seguinte:

“O PV registrou na noite desta quinta-feira (12), na Câmara Federal, nota de desagravo à ex-senadora Marina Silva. No comunicado, o partido de Marina afirma que o Deputado Aldo Rebelo (PC do B-SP), fez uma acusação caluniosa e injusta ex-ministra do Meio Ambiente”.

Pois afirmo: O deputado Aldo Rebelo não fez nenhuma acusação injusta e nem caluniosa contra a ex-senadora e ex-ministra.

Houve, sim, um caso rumoroso contra a gestão de Marina no Ministério do Meio Ambiente.
Toras de Mogno que tinham sido apreendidas pelo IBAMA foram doadas para a ONG “FASE” sem licitação ou qualquer tipo de oferta pública para outras entidades ambientalistas. Essa ONG  na época tinha sede no Rio de Janeiro, mas operava na Amazônia.

O TCU julgou o caso, mas não puniu ninguém. Entretanto, determinou que o IBAMA acabasse com esse tipo de doação. Só poderia se desfazer de madeira apreendida por meio de licitações.
Na época, Marina Silva distribuiu nota se dizendo inocentada no caso (Marina ou o IBAMA. O  tempo me fez esquecer os detalhes do episódio).

Resultado prático: Toneladas de toras de Mogno saíram do país, foram doadas para uma ONG, que as revendeu no exterior e embolsou o dinheiro. Ninguém devolveu dinheiro e o TCU só mandou o IBAMA não fazer mais isso.

Ninguém se interessou pelo episódio na época.  Afinal, Marina Silva é  e sempre foi um “ícone mundial e político”, desprovida de qualquer pecado. E a regra em Brasília é: “Não se bate em “ídolos”, enquanto eles não caírem em desgraça política”.

Entretanto, isso não atenua o fato de que Aldo Rebelo prevaricou, ao afirmar que protegeu o marido da ex-senadora nesse escândalo quando estava no governo. Agora está explicada a pífia decisão do TCU nesse episódio, que detectou um crime, mas não puniu ninguém.
Teria sido, então, a “mão” de Aldo Rebelo, que abrandou o TCU?

* Publiquei sozinho esse escândalo no Jornal do Brasil. Meus colegas na época simplesmente fecharam os olhos para os “pecados” de Marina.

Do Blog Capital Digital

Pesquisadores alemães detectam grave falha no sistema operacional Android

Analistas da Universidade de Ulm, no sul da Alemanha, descobriram uma grave falha de segurança no sistema operacional Android, do Google, utilizado por smartphones e tablets, que deixa seus proprietários expostos a ataques virtuais.

O ataque pode ocorrer no momento em que o usuário utilizar um sistema sem fio "w-lan" e permite que o pirata virtual acesse a agenda pessoal, a lista de contatos e as fotografias armazenadas "on-line" pelos proprietários dos aparelhos.

A edição digital do semanário "Der Spiegel" informa nesta quarta-feira que a falha no Android, que poderia afetar 99% de seus usuários, foi descoberta pela equipe "IT-Security" da Universidade de Ulm, dirigida por Bastian Könings.

O defeito permite que o hacker "assuma a identidade do usuário para aceder aos serviços pessoais" do Android e acessar tanto a agenda como a lista de contatos ou outros dados dos usuários.

Könings ressalta na "Spiegel Online" que um ataque assim é muito simples, já que "não é preciso nem ter estudos" e abre as portas até para criminosos que, por exemplo, desejem saber quando alguém estará ausente de sua casa.

A "Spiegel Online" assinala que a Google já foi advertida por Könings há algum tempo, e que atualmente verifica a falha de segurança, embora não tenha concedido declarações sobre o caso à publicação.

Folha.com 

Impactos climáticos na Amazônia

O aumento na temperatura e o decréscimo das chuvas na Amazônia acima da variação global média esperadas são as principais conclusões do relatório final do projeto Riscos das Mudanças Climáticas no Brasil – Análise conjunta Brasil-Reino Unido sobre os Impactos das Mudanças Climáticas e do Desmatamento na Amazônia, divulgado pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) e Met Office Hadley Centre (MOHC).

O documento é resultado de três anos de trabalho de pesquisadores do Reino Unido e do Brasil, com financiamento da Embaixada Britânica. Os estudos mostram a importância da Amazônia para o clima global e como provedora de serviços ambientais para o Brasil.
O objetivo do projeto é subsidiar os formuladores de políticas com evidências científicas das mudanças climáticas e de seus possíveis impactos no Brasil, na América do Sul e em nível global.

“A experiência do MOHC, líder mundial em modelagem climática, aliada à experiência do Inpe em estudos sobre mudanças climáticas na América do Sul possibilitaram a identificação de possíveis cenários e impactos, com projeções inovadoras dos efeitos das mudanças climáticas antrópicas na região”, disse José Marengo, pesquisador do Inpe, que coordenou o projeto no Brasil.

O projeto utilizou um conjunto de modelos globais e regionais desenvolvidos pelo MOHC e pelo Centro de Ciência do Sistema Terrestre do Inpe para projetar efeitos das emissões de gases de efeito estufa no clima do mundo e fornecer mais detalhes sobre o Brasil. Embora as projeções abranjam todo o país, o foco do relatório se concentra na Amazônia, área de preocupação nacional, regional e mundial.

O projeto foi criado pelo Fundo para Programas Estratégicos do Governo do Reino Unido, antigo Global Opportunity Fund (GOF). O trabalho terá continuidade como parte do programa científico do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia para Mudanças Climáticas e da Rede Brasileira de Pesquisas sobre Mudanças Climáticas Globais, sediados no Inpe. (Fonte: Agência Fapesp)

Reino Unido pretende reduzir emissões de carbono pela metade até 2025

O governo britânico anunciou nesta terça-feira (17) um “ambicioso” objetivo de redução de suas emissões de dióxido de carbono em 50% para 2025 em relação aos níveis de 1990.
A meta está incluída no “orçamento do carbono” britânico para o período 2023-2027 apresentado no Parlamento.

“Quando formamos a coalizão no ano passado, dissemos que queríamos que este fosse o governo mais ecológico da história”, declarou o primeiro-ministro David Cameron em um comunicado.

“É o enfoque correto se quisermos lutar contra as mudanças climáticas, assegurar nosso abastecimento energético no longo prazo e aproveitar as oportunidades oferecidas pelas indústrias ecológicas”, acrescentou o chefe do governo.

O comunicado indica também que o governo britânico continuará defendendo uma meta de redução de até 30% das emissões na União Europeia para 2020, contra os atuais 20%, além de “uma ação mais ambiciosa nos anos 2020″.

No entanto, indica que a meta britânica pode ser revisada em 2014 se não estiver na mesma linha que a da União Europeia. (Fonte: Portal iG)

Elevação do nível do mar causa desastres na China, diz agência

A elevação gradual do nível dos mares, causada pelo aquecimento global nos últimos 30 anos, contribuiu para um número crescente de desastres ao longo da costa chinesa, disse a agência de notícias estatal Xinhua nesta quarta-feira (20).

O nível dos mares no litoral da China subiu 2,6 mm por ano nas últimas três décadas, afirmou a Xinhua, citando documentos da Administração Oceânica do Estado.

As temperaturas médias do ar e do mar em áreas costeiras aumentaram 0,4 e 0,2 graus Celsius respectivamente nos últimos 10 anos, acrescentou a agência.

Como desastre marinho “gradual”, o efeito cumulativo da elevação do nível dos mares pode “agravar tempestades, erosão na costa, invasão do mar e outros desastres”, teria declarado a administração oceânica segundo a Xinhua.

Um especialista do organismo, Liu Kexiu, disse que a elevação do nível dos mares é resultado do aquecimento global.

“Outros fatores-chave são o rebaixamento do solo causado por atividades humanas, incluindo a excessiva exploração de água subterrânea, e a construção intensa de altos edifícios em áreas litorâneas”, disse Liu.

A alta e crescente emissão de dióxido de carbono da China, principal causador do efeito estufa originado pela queima de carvão, óleo e gás, colocou o tema no centro das negociações de um novo pacto mundial para reduzir as emissões responsáveis pelo aquecimento global.
O governo prometeu cortar o montante de dióxido de carbono emitido por combustíveis fósseis por unidade de crescimento do PIB para 17% nos próximos cinco anos.

Mas a China têm dito repetidamente que não aceitará um limite mais rigoroso para o total de emissões, classificando-o como um fardo injusto sobre as nações em desenvolvimento que têm emissões muito mais baixas por pessoa do que as economias ricas. (Fonte: G1)

terça-feira, 17 de maio de 2011

Inovação tecnológica - Embrapa lidera ranking das instituições que mais pedem patentes no Brasil

        A Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) lidera a lista das instituições de pesquisa brasileiras que mais solicitaram patentes em 18 anos, com 167 pedidos. É o que aponta o estudo “Instituições de Pesquisa Não Acadêmicas Brasileiras - Utilização do Sistema de Patentes de 1990 a 2007”, realizado pelo Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI).

     De acordo com a pesquisa, as instituições do país fizeram no período 673 pedidos de patentes, com forte participação das entidades públicas, superior a 73% de representação. Outro dado importante é o crescimento expressivo dos pedidos entre os anos de 2000 e 2005, puxado, principalmente, por instrumentos como a Lei de Propriedade Industrial de 1996, que ampliou as possibilidades de patenteamento a campos anteriormente vetados. Nestes cinco anos foram registradas 264 solicitações, ante 157 nos anos 90.

     Também ocupam lugar de destaque no ranking o Centro de Pesquisa e Desenvolvimento em Telecomunicações (CPqD), com 71; o Instituto de Pesquisas Tecnológicas do Estado de São Paulo (IPT), com 69; a Fiocruz, com 50; e o Centro Técnico Aeroespacial (CTA), com 47.

     A pesquisa foi divulgada na semana passada e está disponível para download neste link.

E agora Palocci.....

O simples e mortal caseiro Francenildo agora tem todo o direito de pedir a quebra de sigilo bancário do ministro Antonio Palocci...

domingo, 15 de maio de 2011

Agora é pra valer, vai ou não vai

 O cérebro humano pode ser feminino ou masculino independentemente do sexo biológico de uma pessoa. Faça o teste e saiba se o seu cérebro tem o mesmo sexo que seu corpo

As diferenças no corpo de homens e mulheres estão além da aparência e dos órgãos sexuais. A ciência detectou que até o cérebro apresenta características femininas ou masculinas. Essa diferença neurológica gera diferenças de comportamentos, sentimentos e modos de pensar entre homens e mulheres.

• Leia o blog Sexpedia

Você consegue saber se seu amigo está triste ou irritado só de olhar para ele? Essa é uma característica de um cérebro feminino. Mas um homem também pode ter essa sensibilidade e outros comportamentos geralmente ligados a um cérebro feminino. Isso porque a sexualidade cerebral não está ligada diretamente ao sexo do corpo. “O sexo do cérebro é determinado pela quantidade de testosterona [hormônio masculino] a que o feto fica exposto no útero. Em geral, homens recebem doses maiores do que as mulheres. Mas isso varia e nós ainda não sabemos exatamente por quê”, diz a ÉPOCA a neuropsicologista Anne Moir, da Universidade de Oxford, na Inglaterra.

A diferença entre o cérebro dos dois gêneros tem raízes evolutivas. Segundo Moir, durante o desenvolvimento dos seres humanos, como o homem era o caçador, desenvolveu um cérebro com habilidades manuais, visuais e coordenação para construir ferramentas. Por isso, um cérebro masculino tem mais habilidades funcionais. Já as mulheres preparavam os alimentos e cuidavam dos mais novos. Elas tinham que entender os bebês, ler sua linguagem corporal e ajudá-los a sobreviver. Elas também tinham que se relacionar com as outras mulheres do grupo e dependiam disso para sobreviver na comunidade e, por isso, desenvolveram um cérebro mais social. Os homens, por sua vez, lidavam com um grupo de caçadores, não precisavam tanto um do outro e se comunicavam menos, apenas com sinais.

Moir acredita que a diferença de sexo entre cérebro e corpo pode estar ligada às causas do homossexualismo. “Se a concentração de testosterona no útero está mais baixa do que o padrão para os homens, então o 'centro sexual' do cérebro será feminino e esse homem sentirá atração por outros homens. Se a concentração desse hormônio estiver alta, o 'centro sexual' será masculino e ele sentirá atração por mulheres”, diz Moir.

Faça o teste  clicando no site da ÉPOCA 
Aqui

Bahia - Programa Nuclear Brasileiro - caminhões com lixo radioativo

 O programa nuclear do Governo Federal optou pelo Município de Caetité para a passagem do lixo atômico que vai para o Distrito de Maniaçu.

Milhares de pessoas estão agora na vigilia em Caetité, em frente ao Cemitério da cidade, conseguindo impedir a passagem do comboio radioativo, composto por 13 caminhões, que chegou na cidade, por volta das 19h, carregados de material atômico destinado ao distrito de Maniaçu, onde funciona a unidade unidade de extração e beneficiamento de urânio, em atividade no Pais.


A convocação para a manifestação foi feita pela rádio educadora e por carro de som, ao longo desta tarde, e a  população optou em peso por exercer a sua cidadania, impedindo a passagem do material.

Investimentos em aguas profundas, só se comprar prato feito

A Petrobras está voltando á época de ouro, optou por cancelar licitação de 28 sondas de perfuração em águas profundas. Essas sondas eram parte da promessa do governo de construir no Brasil, aproveitando as competências e capacidades internas. Mas não deu certo e serão compradas fora, um pacote fechado e nada de transferência de tecnologia, nem repasse do conhecimento. 


Nada de "LEARNING BY DOINGLEARNING BY USING" é pacote fechado, mesmo. Da mesma forma que foram comprados os maiores barcos de tranportação de minérios existentes no MUNDO, comprados na Coreia, de viagem o Brasil. 

Você sabia?. 

Antes de concluir seu governo, Lula demitiu Roger Agnelli, justamente pela compra dos barcos coreanos.