Google+ Badge

quarta-feira, 19 de agosto de 2009

ESPORTE - O "técnico" Renato "Gaucho" faz o que mais gosta, afundar times. Hoje vai sofrer no Morumbi

Hoje o Fluminence comandado pelo pior técnico do Brasil o azarento Renato Gaucho leva seu "desastre" para o Morumbi.

Especialista em rebaixar times para segunda e terceira divisão, retornou ao Fluminence e, até hoje, não consegue sair da zona de rebaixamento.


Veja a matéria sobre o lamento do Fluminence

Em profunda crise, abatido, na zona de rebaixamento e sem confiança, o Fluminense vem ao Morumbi para buscar pelo menos um ponto. E o técnico Renato Gaúcho quebra a cabeça para tentar recolocar o time no caminho das vitórias

“Atitude é a palavra que deve entrar na cabeça de todos, só assim vamos sair dessa situação”, disse. Ele apoiou a ameaça feita segunda-feira pelo coordenador de futebol Branco, de que jogadores poderão ser afastados do elenco se não demonstrarem aplicação.

“Não estamos aqui para passar a mão na cabeça de ninguém nem temos tempo para isso. Eles recebem bons salários, estão em um grande clube e precisam provar a importância de estar aqui.”

Renato Gaúcho usou o Avaí como exemplo a ser seguido. A equipe de Florianópolis passou da zona de descenso para a sexta colocação em pouco tempo. “Cheguei a perguntar ao grupo se o Avaí está cheio de craques. Com todo respeito à equipe deles, que vem mostrando a atitude que peço e serve como referência para o Fluminense.”

Roni fez suas as palavras de Renato. “Não podemos mais nos omitir, vamos dar a cara a tapa. Tem de ser erro zero.”

A diretoria anunciou ontem a contratação do volante Patrício Urrutia, ex-LDU, e do zagueiro Gum, da Ponte Preta.

Leia mais no Jornal da Tarde

Aqui

Nenhum comentário: