Google+ Badge

segunda-feira, 17 de agosto de 2009

VIOLÊNCIA SEXUAL EM SÃO PAULO - Médico Roger Abdelmassih é preso em São Paulo

MÔNICA BERGAMO
Colunista da Folha

O médico Roger Abdelmassih, um dos mais famosos especialistas em reprodução assistida do país, acaba de ser preso. Seus advogados confirmaram que estão se dirigindo para o local em que ele está detido.

Em junho, Abdelmassih foi indiciado pela Polícia Civil sob a acusação de estupro e atentado violento ao pudor contra ex-pacientes. Ao menos 60 mulheres dizem ter sofrido crimes sexuais durante consultas. Abdelmassih nega as acusações.

A Justiça recebeu a denúncia [acusação formal] oferecida pelo Ministério Público e, com isso, foi instaurado processo criminal para a análise das acusações. A prisão preventiva contra Abdelmassih foi decretada pelo juiz Bruno Paes Stranforini, da 16ª Vara Criminal.

Segundo o Tribunal de Justiça, o processo corre sob segredo de Justiça para preservar os envolvidos.

Processos éticos

O Cremesp (Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo) abriu 51 processos éticos contra o médico, mostrou reportagem da Folha publicada no último dia 11.

Na ocasião, José Luis Oliveira Lima, um dos advogados do médico, disse que Abdelmassih tinha conhecimento das sindicâncias, mas não da instauração dos processos. O advogado afirmou que o médico começou a ser notificado sobre as sindicâncias há alguns meses e, quando notificado, apresentou sua defesa, sempre reiterando que é inocente.

"Dr. Roger é um dos médicos mais respeitados do país na sua especialidade. Ele nega veementemente a prática de qualquer ato ilícito, aguarda o desenrolar das investigações e tem tranquilidade de que, no final, tudo será esclarecido", disse Lima na ocasião.

Leia a reportagem completa

Aqui

2 comentários:

Anônimo disse...

Violência quase sexual na Capital da Alegria: Juazeiro do Norte. Icasa 6 X 2 Paysandú. Vê se pode? Um Padre tentou subir com 5.000 mil balões, não conseguiu e morreu no oceano, como pode alguém pretender subir só com 1 balão. Papão vai ser patrocinado pela Rede Celpa, vai subir ... em poste! kkkkkkkkkkkkkk
de Belém

BLOG DO ENRIQUEZ disse...

Postei seu comentário apenas para ter a oportunidade de oferecer aqui meu contraditório.
Lamento pelo seu comentário, machista de misturar comentários esportivos com assuntos matérias sexuais, como essa do médico acusado de abuso sexual.
Meu caro, não vanalize um crime da gravidade daqujele que aconteceu em São Paulo.
Por isso não falarei sobre seu comentário da derrota que do Papão no Ceará.
É só.