Google+ Badge

quinta-feira, 13 de agosto de 2009

TECNOLOGIA - Desenvolvida há 35 anos, bicicleta elétrica sai do papel e circula em São Paulo

GILBERTO DIMENSTEIN
colunista da Folha de S.Paulo

Essa é mais uma daquelas histórias sobre pessoas que nunca envelhecem e fazem da vida um eterno aprendizado. É a história da invenção de bicicleta elétrica que começa a circular em São Paulo, desenvolvida por Felício Sadalla, com seus 81 anos --as imagens estão no site catracalivre.
Engenheiro industrial, Felício desenvolveu, há 35 anos, uma bicicleta elétrica, que, todos os dias, o levava para o trabalho, percorrendo 26 quilômetros de ida e volta. Ele dizia que a cidade deveria fazer ciclovias para evitar que ficasse entupida de carros. Mas sentia que ninguém prestava atenção, era considerado um extravagante, um tanto alucinado. Alguns até riam, numa cidade que achava que moderno era o carro.

.Felício Sadalla, 81, junto à sua bicicleta elétrica inventada há 35 anos, e que está circulando por São Paulo

Neste ano, agora sem mais poder usar a bicicleta, teve a notícia de que uma empresa estava disposta a tirar seu projeto do papel --e ajudou sem cobrar nada, nem pedir patente. Já estão circulando alguns exemplares por São Paulo, com um motor ecológico. É a primeira bicicleta desse tipo desenvolvida no Brasil.

Se tivéssemos mais gente com essa lucidez, certamente a cidade não seria o caos o que é --teria economizado dinheiro e evitado poluição e melhorado a saúde da população. Não é à toa que Felício chega aos 81 anos fazendo invenções.

Leia mais na Folha Online

Aqui

Nenhum comentário: