Google+ Badge

segunda-feira, 3 de agosto de 2009

PARÁ - FUGA SIMULTANEA EM TRÊS PRESÍDIOS DA GRANDE BELÉM

O dia de ontem foi marcado pela fuga de presos em três seccionais. O total de 48 presidiários distribuídos nas seccionais de Marituba, Cremação e Paar conseguiram fugir e estão soltos pelas ruas.

Às 6h30 de ontem, 22 presos de um total de 34, fugiram do xadrez da Seccional de Marituba. Eles serraram as grades de uma porta que dá acesso ao corredor da carceragem e aguardaram a oportunidade em que a porta de entrada abriu para fugirem no estilo “cavalo doido” que, na linguagem policial, significa sair correndo todos ao mesmo tempo e em várias direções.Isso ocorreu no momento em que um dos dois investigadores do plantão, abriu o portão para colocar outro preso recém-capturado pela PM. Os presos o empurraram e correram. O policial disparou vários tiros de advertência. Assim, conseguiu impedir a fuga de outros 12.

Logo foi solicitado reforço e a Polícia Militar mandou ao local uma guarnição da Rotam junto com duas guarnições da 18ª Zpol. Foi realizada uma ronda em toda a área e conseguiram recapturar cinco dos fugitivos.

Luiz Carlos de Souza Nogueira, Carlos Augusto Pinheiro da Silva, presos por porte ilegal de arma e Paulo Roberto Melo, que responde por furto, foram pegos minutos depois da fuga.

Segundo os plantonistas da Seccional de Marituba, o xadrez da unidade é isolado, fica no fundo do prédio e tem acesso fácil por um muro baixo. Eles acreditam que, durante a madrugada, alguém foi pelo estacionamento da unidade policial e passou uma serra para os detentos. As fugas na seccional são constantes apesar da preocupação com a vigilância feita pelos investigadores do plantão.

Segundo o delegado do plantão, ao que tudo indica, os prisioneiros estavam articulando a fuga há algumas semanas em função de terem serrado, com objetos cortantes, o portão da cela, sem que os policiais percebessem a cilada. Três serras de ferro e metal foram encontradas na cela. A assessoria de comunicação da Polícia Civil informou que, apesar das evidências de que a fuga não teve participação dos policiais do plantão, a Corregedoria de Polícia Civil deverá ser informada da evasão e irá instaurar uma apuração para os fatos.

Mais 34 fogem das Seccionais do Paar e da Cremação

Pela parte da tarde, às 12h50, foi a vez de 10 presos da Seccional da Cremação, em Belém, fugirem. Eles serraram duas barras de ferro que dão acesso aos fundos da unidade policial. O diretor da seccional, delegado Antônio Duarte, informou que anteontem foi feita a revista nas celas e nada foi detectado. Ainda permaneceram no local 18 presos.

Leia a matéria completa no Diário do Pará

Aqui

Nenhum comentário: