Google+ Badge

segunda-feira, 9 de dezembro de 2013

Cesta de cobras nas alianças políticas, de lado a lado

PMDB não abre mão de candidatura do
 vice-governador do Rio, Luiz Fernando Pezão


Para Cabral, candidatura de Pezão ao governo do Rio é inegociáve
l





RIO - O governador do Rio, Sérgio Cabral (PMDB), afirmou nesta quinta-feira ser inegociável a candidatura do vice-governador Luiz Fernando Pezão ao governo estadual em 2014 e classificou como erro político a decisão do PT de desfazer a aliança com o PMDB no Estado para lançar a candidatura do senador Lindbergh Farias (PT-RJ).

“Pezão é o nome mais preparado para dar continuidade às conquistas que obtivemos no Estado nesses sete anos de governo”, afirmou o governador durante cerimônia no Palácio Guanabara. “ O nome do Pezão é irrevogável, inegociável”.

O governador e outras lideranças do PMDB fluminense aproveitaram o anúncio da instalação de uma fábrica da Land Rover no Estado - um investimento de R$ 750 milhões - para apresentar um discurso afinado em defesa da candidatura de Pezão à sucessão em 2014 um dia depois de o líder do partido na Assembleia Legislativa (Alerj), Domingos Brazão, afirmar que o PMDB poderia abrir mão da candidatura própria.



Nenhum comentário: